UM MOVIMENTO PELA CULTURA DE DOAÇÃO. ENGAJE-SE PARA PROMOVER CAUSAS E PROJETOS SOCIOAMBIENTAIS, GARANTIR DIREITOS E FORTALECER A DEMOCRACIA NO BRASIL.

Descubra/

Mural

Ao doar para uma organização social você também pode estar apoiando uma criança

12.10.2018 // por Viralize

No dia 12 de outubro foi comemorado o Dia das Crianças, data sancionada no Brasil em 1924 por meio de um decreto que instituiu a chamada “festa da criança”. A data aqui é celebrada em um momento diferente de outros países, já que a ONU reconhece o 20 de novembro como o Dia Internacional da Criança, quando foi aprovada a Declaração Universal dos Direitos da Criança, em 1959. Trata-se um documento que orienta lugares do mundo inteiro a respeitarem as necessidades básicas dos pequenos.

Assim como a declaração da ONU voltada à infância, o Brasil também possui alguns marcos legais com este foco: o Estatuto da Criança e do Adolescente, criado em 1990, é o principal deles e tem como objetivo a proteção integral da criança e do adolescente, garantindo todos os seus direitos fundamentais, como moradia, saúde e educação, além de também legislar sobre crimes contra a criança.

Além de comemorar a vida das crianças e oferecer presentes, a ideia de dedicar um dia especial a elas também serve como um alerta para as necessidades dessa importante parcela da população, principalmente as mais vulneráveis. Isso porque segundo o relatório da Unicef “Pobreza na infância e na adolescência”, metade das crianças e adolescentes brasileiros (49,7%) não tem acesso a pelo menos um dos seguintes direitos: educação, informação, proteção contra o trabalho infantil, moradia, água e saneamento.

A data também pode ser vista como um bom momento para reconhecer o trabalho das pessoas e organizações, que lutam para reverter essa realidade de direitos negados desde a infância, e pelo futuro de milhares de crianças.

Algumas delas estão há muitos anos em campo, tentando fazer diferença nesse cenário: Fundação Abrinq, que tem como missão promover a defesa dos direitos e o exercício da cidadania de crianças e adolescentes; a Aliança pela Infância, movimento internacional por uma infância digna e saudável; o Cren, que atua no combate e prevenção à desnutrição e obesidade infantil; a Pastoral da Criança, que dá apoio a mães desde a gestação e luta para reduzir a mortalidade infantil; o Graacc, que oferece a crianças e adolescentes com câncer todas as chances de cura com qualidade de vida, e muitas outras.

Importante destacar que se qualquer direito humano é desrespeitado, a criança em alguma medida também é. Um exemplo é a crise humanitária pela qual passam alguns países, como a Síria e a Venezuela. Ao obrigar grande parcela da população daquele país a se refugiar em outro lugar, milhares de crianças sofrem junto esse deslocamento. A Conectas Direitos Humanos, outra parceira do Viralize, chama atenção para este problema e atua pelo direito à migração. Ao apoiá-la, você também apoia o direito à migração e o direito de uma vida digna para milhares de crianças.

Outro exemplo: ao apoiar uma organização ligada ao atendimento a pessoas com deficiência, você também apoia crianças nesta condição. O Instituto Olga Kós de Inclusão Cultural desenvolve projetos artísticos e esportivos para atender pessoas com deficiência intelectual e as crianças são grande fatia do público atendido.

Por isso, mesmo que você não apoie uma organização ligada à infância, e sim outras que defendem direitos humanos diversos, você também está ajudando a garantir direitos das crianças. Lute você também pela infância no Brasil, acesse nossa plataforma, conheça as organizações que citamos aqui, doe e viralize essa ideia.

Mural

Ao doar para uma organização social você também pode estar apoiando uma criança

No dia 12 de outubro foi comemorado o Dia das Crianças, data sancionada no Brasil em 1924 por meio de um decreto qu...

Mural

Nada sobre nós sem nós: como apoiar e lutar com as pessoas com deficiência

“Nada sobre nós sem nós”, este foi o lema de uma multidão de pessoas com deficiência que, na década de 1980, ma...

Mural

Entrevistamos Amália Fischer, cofundadora do Fundo ELAS, sobre doação e o impacto nos direitos das mulheres no Brasil

Quando o assunto é direito da mulher, o cenário brasileiro melhorou, mas ainda há muito a se fazer para que números ...

Realização
Apoio
Acompanhe a VIRALIZE

© 2018. Todos os direitos reservados.

Novidades

Deixe seus dados e receba alertas com as novidades da Viralize.